Pular para Navegação

Prof. Dr. Paulo Roberto Gonçalves Segundo

Doutor em Letras (2011), pelo programa de Filologia e Língua Portuguesa, do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP). Possui graduação em Letras pela mesma universidade (2005). Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Teorias do Texto e do Discurso, atuando principalmente em Análise Crítica do Discurso, Linguística Sistêmico-Funcional e Análise da Conversação, e na interface entre linguagem e cognição, com destaque aos estudos em Semântica Cognitiva. Atualmente, participa como pesquisador dos projetos temáticos "História do Português Paulista" e "História do Português Brasileiro", é o primeiro líder do "Núcleo de Estudos em Análise Crítica do Discurso da USP" (NEAC-USP) e membro do grupo de pesquisa "Estudos de Linguagem, Argumentação e Discurso" (ELAD), além de ser um dos editores da Revista Eletrônica de Estudos Integrados em Discurso e Argumentação (EID&A). Paulo Roberto Gonçalves Segundo é professor doutor adjunto em Filologia e Língua Portuguesa, com dedicação exclusiva, na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Atualmente, é vice coordenador do programa de Pós-Graduação em Filologia e Língua Portuguesa pela mesma faculdade.


Projetos de Pesquisa

1. Gramática, Cognição e Discurso

Descrição: O objetivo deste projeto é aprofundar o conhecimento das interrelações entre linguagem e cognição em perspectiva tanto gramatical quanto discursiva, enfatizando os processos de atenção e perspectivação, com base na Psicologia Cognitiva, na Linguística Cognitivo-Funcional e nos Estudos Crítico-Discursivos..

2. Padrões de Negociação Intersubjetiva em Gêneros Orais e Escritos no Português Brasileiro: uma análise crítico-discursiva e sistêmico-funcional

Descrição: O objetivo do projeto é investigar a configuração do processo de negociação intersubjetiva em uma gama de gêneros discursivos orais e escritos no Português Brasileiro. Nesse sentido, busca-se, por meio da análise dos recursos interpessoais, a partir de uma visão sistêmico-funcional, em diálogo com os modelos crítico-discursivos, depreender os padrões linguístico-discursivos que permitem aos produtores textuais exercer poder e solidariedade, constituindo assim diferentes graus de instanciação de autoridade, credibilidade, intimidade no jogo interacional.


Grupos de Pesquisa

Estudos de Linguagem, Argumentação e Discurso - ELAD

site / DGP

Grupo de Estudos do Discurso da USP (GEDUSP)

site / DGP

História do Português Paulista

site / DGP

NEAC - USP Núcleo de Estudos em Análise Crítica do Discurso (Líder)

site / DGP


 

Email: paulosegundo@usp.br

Currículo Lattes



Dr. Radut Consulting