Pular para Navegação

Professor Titular Ataliba Teixeira de Castilho

Formação acadêmica e atuação profissional

Formação científica: na FFLCH da Universidade de São Paulo, Licenciado em Letras Clássicas em 1959, Especialização em 1960, doutor em Linguística em 1966, livre-docente em Filologia e Linguística Portuguesa em 1993. Atividades profissionais: Professor Titular da Universidade Estadual Paulista, campus de Marília (1961-1975), então CESESP. Visiting professor da Universidade do Texas em Austin (1970). Professor Titular do Dep. de Linguística do Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas (1975-1991), cargo em que se aposentou em 1991. Professor Titular de Filologia e Língua Portuguesa na FFLCH da Universidade de São Paulo (1996 a 2006). Professor emérito da FFLCH/USP em 2013. Atualmente é professor colaborador voluntário na Universidade Estadual de Campinas. Atividades de pesquisa: coordenou os seguintes projetos coletivos de pesquisa: Projeto NURC/SP (1970-1988), Projeto de Gramática do Português Falado (1988-2011), Projeto para a História do Português Brasileiro, equipe de São Paulo, de 1995 a 2011, quando foi substituído a seu pedido. Editor geral da obra coletiva Historiando o Português Brasileiro, 5 volumes, em andamento. Áreas de pesquisa: Linguística do Português, com ênfase nas seguintes subáreas: descrição da língua falada, sintaxe funcionalista do português brasileiro, história do português brasileiro, análise multissistêmica do português brasileiro. Vida associativa: Sócio honorário da Associação de Linguística e Filologia e América Latina e do Grupo de Estudos Linguísticos do Estado de São Paulo. Membro do corpo editorial das seguintes revistas: Alfa (Revista de Linguística da UNESP), Linguística (revista da Associação de Linguística e Filologia da América Latina), Revista do GEL, Cadernos de Estudos Linguísticos (Unicamp), Filologia e Linguística Portuguesa (USP), Biblos (Coimbra), Editora da Universidade de Londrina.


Projetos de Pesquisa

1. Projeto para a História do Português Brasileiro

Descrição: História social, mudança gramatical, diacronia dos gêneros discursivos, corpus diacrônico do Português Brasileiro. Em 2009, esse projeto conta com dez equipe regionais: São Paulo, Bahia, Alagoas, Pernambuco, Ceará, Paraíba, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e Santa Catarina.

2. Projeto de História do Português de São Paulo

Descrição: O Projeto para a História do Português de São Paulo, iniciado em 1997, já no ano seguinte havia tomado uma dimensão nacional, com a inclusão voluntária de equipes de Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro, Paraíba, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina. O projeto compreende três subprogramas: (1) constituição de um corpus diacrônico, (2) história social, (3) mudança gramatical, esta compreendendo duas orientações, a gerativista e a funcionalista. As equipes locais se reúnem continuadamente, havendo a cada dois anos uma reunião nacional, em que se apresentam estudos previamente selecionados. Após debatidos, são publicados numa série que conta atualmente 4 volumes, estando mais 2 no prelo. A equipe paulista conta com pesquisadores das três universidades oficiais e alunos de pós-graduação..

3. Projeto de Gramática do Português Falado

Descrição: O Projeto de Gramática do Português Falado teve início na UNICAMP em 1988, envolvendo mais onze universidades brasileiras, num total de 32 pesquisadores altamente qualificados. Os objetivos são preparar uma gramática de consulta com base nos materiais levantados anteriormente pelo Projeto NURC do Brasil. Foram organizados cinco grupos de trabalho, cada um com um coordenador, sob a coordenação geral de Ataliba T. de Castilho: Fonética e Fonologia (Maria Bernadete M. Abaurre), Morfologia (Margarida Basílio e Ângela Rodrigues), Sintaxe das relações gramaticais (Mary Kato), Sintaxe das classes de palavras (Maria Helena Moura Neves) e Organização textual-interativa (Ingedore Koch). Os resultados parciais foram publicados na série "Gramática do Português Falado", 8 volumes, editados pela Editora da Unicamp. Presentemente, as equipes trabalham na consolidação dos resultados, de que resultará a gramática propriamente dita, em 4 volumes..

4. Projeto de Estudo da Norma Urbana Linguística Culta da Cidade de São Paulo

Descrição: O Projeto de Estudo da Norma Urbana Culta da Cidade de São Paulo (Projeto NURC-SP) integra o projeto nacional de mesmo nome, iniciado em 1970, quando eu lecionava na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Marília, integrada posteriormente na UNESP. O projeto foi, em São Paulo, coordenado inicialmente por Isaac Nicolau Salum e Ataliba T. de Castilho, em em seguida por Ataliba T. de Castilho e Dino Preti. Esse projeto compreendeu três fases: (1) gravação de entrevistas com 360 falantes cultos nascidos em São Paulo, (2) transcrição e publicação de amostras das entrevistas, (3) análises fonéticas, morfológicas, sintáticas e léxicas dos dados. A fase 1 foi realizada de 1970 a 1978. A fase 2 estendeu-se de 1987 a 1990. A fase 3 teve início em 1978 e continua ativa. Os trabalhos passaram a cobrir também a Análise da Conversação, não prevista originalmente. Todos os dados foram duplicados, estando guardados e abertos à pesquisa na FFLCH da Universidade de São Paulo e no Centro de Documentação Linguística e Literária Alexandre Eulálio do IEL, Universidade Estadual de Campinas. As diferentes equipes do projeto e a bibliografia produzida estão relatadas em Castilho (1990).


Linhas de pesquisa

História e Historiografia do Português


Grupos de Pesquisa

História do Português Paulista

site / DGP


E-mail: ataliba@uol.com.br

Currículo Lattes



Dr. Radut Consulting